logo

Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit, sed do eiusmod tempor.

Impacto do Covid-19 nos mercados onde existam Câmaras de Comércio Portuguesas: Reino Unido

Impacto do Covid-19 nos mercados onde existam Câmaras de Comércio Portuguesas: Reino Unido

A Câmara de Comércio Portuguesa no Reino Unido (Portuguese Chamber of Commerc in UK) partilha a 1 de Maio de 2020, e as medidas adotadas para controlar o surto do Coronavírus no país.

Casos totais: 177.454
Número de mortes: 27.510
Casos ativos: 149.600

Medidas adotadas:
- Foi anunciado o Lockdown do Reino Unido a 24 de Março como medida para impedir a propagação do Coronavírus.
- Foi anunciada, a 4 de Abril, a recomendação para não viajar, indefinidamente.
- Foi anunciado novo pacote de medidas às empresas para empréstimos até 50.000£, não pagando juros nos primeiros 12 meses.


A 27 de Abril, Boris Johnson regressou às suas funções, tendo discursado essa manhã, afastando rumores que iria haver um suavizar do confinamento (até 7 maio).
A 23 de Abril, o Governo de Inglaterra recusa a usar a expressão “exit plan”, não apontando ainda nenhum
roadmap, advertendo todavia que medidas de
distanciamento social terão de continuar ativas até final do ano. A não existência de uma vacina ou de medicação efetiva previstas este ano tornam difíceis previsões em contrário.
Governo da Escócia publica documento que estabelece a base para o progresso a realizar após ser levantado o lockdown. Uma das advertências do documento refere que poderá haver ciclos de entrada abrupta em lockdown on/off.
A 16 de Abril, o Governo estende lockdown por mais 3 semanas, até 7 de maio, advertindo que pode continuar a haver prolongamento, dado que o pico das infeções e fatalidades é esperado no final de abril
Lockdown no Reino Unido introduzido a 24 de Março como uma medida para tentar impedir a propagação do coronavírus.

Medidas políticas / económicas:
- Novo pacote de medidas às empresas, anunciado a 27/04, que poderão contrair empréstimos até 50.000£, não pagando juros nos primeiros 12 meses.
- Está iminente o anúncio formal de apoio aos TO’s e CA’s de um fundo de 4bi de £ para refunds. Face ao não entendimento interno sobre a alteração a PTR (Package Travel Regulations) cujo setor pede que se estenda a possibilidade de refund até 31 de julho, o Governo decide avançar, a 20/04, com este fundo para notas de crédito a refunds, salvaguardando também possíveis falências das empresas, garantindo a nota de crédito aos clientes.

Desafios ainda presentes:
- Inexistência de um plano de saída gradual do lockdown;
- Falta de equipamento;
- Poucos testes realizados (espera-se 100.000 por dia em Maio);
- Lay off estendido aé 30 de Junho - compreende 80% de pagamento do vencimento até 2.500£/mês.

Poderá consultar toda a informação no infográfico disponível aqui.

Para mais informações contacte a Portuguese Chamber of Commerc in UK:
info@portuguese-chamber.org.uk
+44 (0) 20 7201 6638